Para quem se mexe, existe sempre um lugar à mesa

Por Gilclér Regina

Quando a situação do país não é boa, todo mundo começa a reclamar demais e estas pessoas acabam ficando cegas, não enxergando oportunidades ou mesmo dormindo no ponto.
A mensagem é que muitas oportunidades aparecem justamente porque a maioria tem dificuldade em aproveitá-las pois estão ocupadas demais reclamando.
Crise serve de alerta. A grande virtude da crise é que ela provoca desconforto e como nós gostamos de conforto, vamos lutar para voltar para ele.
Pode reparar, a crise é cíclica. Ela não é linear. É igual a maré, com altos e baixos. Setores crescem, setores encolhem, alguns desaparecem e outros retomam o fôlego com inovação e arrebentam, veja o caso da Apple.
A questão é: Para quem se mexe, existe sempre um ligar à mesa. Ter objetivos, determinação e motivação na vida serve de antídoto para o pessimismo.
É igual o mundo de vendas. Não conheço vendedor que tenha feito sucesso que não praticou isso: visita, visita, visita… proposta, proposta, proposta… venda, venda, venda…
Seria muito saudável para todos, ao invés de reclamar, ver a crise como o vento. Sabendo que não para de soprar, mas muda de velocidade e lugar. Alivia quando é brisa e é capaz de detonar quando é vendaval.
Nós aprendemos com os percalços do vento, não é? Não deixamos de sair de casa por causa disso e criamos estratégias para nos proteger das possíveis tempestades. A vida empresarial também é assim.
Então, o que você está esperando para levantar o traseiro da cadeira e ir à luta? Não durma no ponto. Lembre-se, o artista tem que ir até aonde o povo está.

Pense nisso, tenha um bom mês, um forte abraço e esteja com Deus!

Gilclér Regina
Escritor e Palestrante Profissional.
Uma pessoa simples que se transformou num dos mais reconhecidos Conferencistas do país, com atuações também no exterior.

Deixe uma resposta