É agora ou nunca…

A nova onda chama-se “Quarta revolução industrial”. O alemão Klaus Schuab debate em seu livro de mesmo nome o que vem por aí em inteligência artificial na automação industrial, a cibernética, a transformação da mão-de-obra humana para totalmente robotizada.

Algumas fontes já dão 2025 como um ano de virada. Já em 2025 dizem que 10% da frota americana de veículos e automotores serão compostas “sem motoristas”. Aí vêm casas inteligentes, aplicativos inteligentes que substituem o ser humano em várias áreas.

Quais as profissões que deixarão de existir? Neste posicionamento da quarta onda muitas profissões já não irão existir como caixa de bancos, telemarketing, árbitros, caixas de supermercados.

A própria existência de “Bancos” está sendo colocada em cheque. Meu objetivo aqui é repensar e fazer pensar. Você está preparado para as mudanças que estão a caminho? Já percebeu que algumas profissões de hoje, talvez algumas até sem muito valor financeiro, serão as profissões do futuro?

Alguns exemplos: Com o envelhecimento da população e o aumento da expectativa de vida, vêm aí profissões que serão valorizadas como Cuidadores de idosos, Enfermeiros, Professores de Educação Física, profissões que lidam com o ser humano…. Sim, sem falar de toda gama de profissões da área tecnológica.

Assim, o futuro do emprego está na prestação de serviços, motivo pelo qual o empreendedorismo precisa ser estimulado.

Ter verdadeira paixão pelo negócio que escolher fará toda a diferença. Não há equívoco maior do que optar por algo pelo qual não se tenha conhecimento, competência, dedicação, determinação e entusiasmo.

É agora ou nunca. A única certeza que sempre tivemos desde que o mundo é mundo chama-se “mudança”. Quem fica parado corre o risco de ser atropelado pela concorrência e, neste caso, você não sabe nem de onde ela vem. Não correr riscos pode ser a atitude mais arriscada.

Não terceirize sua história

“Os dias fáceis contamos nos dedos, os difíceis perdemos a conta… o que vale é acreditar no trabalho e seguir em frente com ou sem crise”.

A autoconfiança não acontece da noite para o dia…. A vida é um passo de cada vez. Há anos atrás, quando me iniciei como palestrante profissional aprendi a duras penas até que ponto os outros acreditavam ou não em mim…

Aprendi que a vida no mundo dos negócios não é um mar de rosas. Aprendi também que as pessoas não entendem ou sentem o que você sente. E ainda aprendi que mesmo assim deveria ir em frente. Tudo que você realiza na vida é avaliado e processado pela sua autoimagem, isto é, a opinião que faz de si mesmo.

Da mesma forma as oportunidades que perdia aconteciam com base na rejeição que eu tinha, achando que eram boas demais para a minha realidade (no popular, muita areia para o meu caminhão). Mas não fugi dos desafios e, acredite, você também pode. Algumas coisas de comportamento são novas, outras existem há mais de dois mil anos.

Você quer melhorar? Quer perder peso? Quer conquistar aquele número fantástico de clientes? Quer fazer sucesso? Então acredite, Você pode!

Trata-se da aceitação de você e não do condicionamento imposto por outras pessoas. Renove seu entusiasmo e siga os seus sonhos. Não terceirize a sua história.

Pense nisso, um forte abraço e que Deus abençoe os seus dias!

É Escritor e Palestrante Profissional. Uma pessoa simples que se transformou num dos mais reconhecidos Conferencistas do país, com atuações também no exterior.

Gilclér Regina

Deixe uma resposta