AUTONOR fecha calendário do Setor em 2017

Maior Feira do Norte/Nordeste e uma das maiores do Brasil, o evento em Pernambuco cumpriu as expectativas e foi, mais uma vez, sucesso de público e negócios.

Durante quatro dias, Olinda (PE) foi a capital nacional do setor de autopeças por ocasião da realização da Autonor 2017 – Feira de Tecnologia Automotiva do Nordeste, de 13 a 16 de setembro. Em sua 9ª edição bienal, o evento reuniu mais uma vez indústrias, distribuidores, representantes e os principais fornecedores do segmento de reparação e reposição de peças de veículos do Brasil e do exterior, gerando cerca de R$ 42 milhões em negócios.

Ao todo, foram mais de 700 marcas expositoras que atraíram mais de 38 mil pessoas que lotaram os corredores do Centro de Convenções de Pernambuco para fazer negócios e participar dos cursos e workshops de capacitação realizados durante a feira. Formado por varejistas, distribuidores, donos de oficinas, mecânicos e apaixonados por carros, o público veio de vários estados do País, inclusive por meio de inúmeras caravanas organizadas por empresários e entidades de classe.

Segundo Emanuel Luna, diretor da Autonor, a feira deste ano marcou a retomada do crescimento de autopeças que, desde o primeiro semestre, vinha dando sinais de recuperação. “A indústria do setor demonstrou que está confiante na expansão das vendas utilizando a feira como plataforma para lançamentos de seus produtos e consolidação de seus canais de distribuição no mercado do Norte e Nordeste”, afirmou. Diante dos resultados obtidos este ano, Luna prevê uma Autonor ainda maior na próxima edição. “Em 2019, completaremos 20 anos de existência e esperamos realizar uma feira para entrar para história”.

“A cada edição cresce a frequência e qualificação do público recebido em nossos estandes. A Autonor é uma oportunidade valiosa para os departamentos técnico e comercial apresentarem ao público regional os lançamentos de linhas e novas tecnologias, além de uma confraternização com nossos parceiros”, afirmou Silvio Alencar, diretor comercial para a América do Sul da Dayco.

“A Autonor coloca Pernambuco em uma posição de destaque no cenário nacional, já que é reconhecida pelas grandes indústrias como a segunda maior feira de Autopeças do Brasil. Além disso, é uma oportunidade ímpar para qualquer empresa do setor de autopeças ter visibilidade e manter-se antenada com as grandes mudanças que estão ocorrendo no setor”, disse Geraldo Villarim, da Rediesel.

Para José Carlos de Santana, presidente do Sincopeças/PE, na Autonor 2017, o setor varejista teve a oportunidade de consolidar sua rede de relacionamento com representantes das indústrias e distribuidores a fim de ampliar suas alternativas de negócios como forma de alcançar condições competitivas para consolidar suas posições no mercado.

“A Autonor proporcionou a toda cadeia um momento para fortalecer laços, elaborar planos de vendas de curto e médio prazo com parceiros comerciais, além de oferecer a oportunidade para capacitar e preparar equipes para que acompanhem as tendências técnicas e os novos conceitos de Inovação”, disse Flávio Portela, gerente geral de Vendas da SK Automotive.

A Autonor 2017 também ficou marcada por atrações especiais na área de sustentabilidade do meio ambiente como a mostra do artista plástico Luiz Carlos Santos. Ele levou para o pavilhão exposições suas de esculturas gigantes feitas com sucata que chamaram muito a atenção do público.

Para Emanuel Luna, o sucesso da Autonor 2017 só se tornou realidade graças ao apoio e participação das entidades parceiras. Ele destacou ainda o trabalho da comissão de organização da feira formada por representantes de empresas e entidades ligadas ao setor. Integraram a comissão: Flávio Portela e Paulo Teixeira, da SK AUTOMOTIVE; Alexandre Costa e Patrícia Silva, da ALPHA CONSULTORIA; André Leandro e Diogo Leandro, da DAMPEÇAS; Pádua Barros, da DASA; Geraldo Villarim, da REDIESEL; Edniz de Paula, da IMBIRIBEIRA DIESEL; Felipe Hollanda, da FHOLLANDA; Gustavo Cabral, da BIGCAR; José Carlos Santana, da CENTROCAR; Marcelo Magalhães; Marcelo Lopes, da REGULEX e Vicente Lopes, da VICENTE AUTOPEÇAS. Emanuel agradeceu ainda o apoio do Governo de Pernambuco, Empetur, AD-Diper, Fecomércio, Sebrae/PE e as principais revistas e jornais do segmento.

 

Deixe uma resposta