Novidades high-tech para carros em 2018

Ainda não será neste ano que teremos um cenário como o do filme O Quinto Elemento (1997), com carros voando no céu, ou um automóvel como aqueles do agente 007 James Bond, que desaparecem e possuem ações de evacuação.

Mas, calma que não há motivo para ficar triste! Ainda não chegamos lá, mas já temos alguns avanços sendo anunciados. O mercado automobilístico preparou muitas novidades high-tech para 2018.

Essas inovações destacam duas tendências que devem dominar o setor de automóveis esse ano: as tecnologias autônomas e os carros elétricos e híbridos.

Tecnologias autônomas

Frenagem automática de emergência e possibilidade também de direção automática em uma velocidade de até 130km/h. Esses são apenas alguns dos benefícios oferecidos pelas tecnologias autônomas, que chegaram para ficar.

Durante a edição de 2018 da Consumer Electronics Show (CES), maior feira mundial de tecnologia, que ocorreu nos EUA, no mês de janeiro, a empresa Osram, líder em iluminação automotiva no mundo, expôs diversas inovações para o setor automobilístico.

A expectativa é que, ainda no ano de 2018, todas essas inovações estejam disponíveis e sejam aplicadas, por exemplo, em itens para segurança na estrada e até mesmo em carros autônomos. Várias montadoras, como Tesla, BMW, Audi e Renault já realizam testes com essas tecnologias.

Essas novidades são tidas como tão promissoras pelo mercado de automóveis que até empresas que não são da área automobilística, como Google e Intel, estão desenvolvendo tecnologias autônomas, permitindo aos veículos que cada vez mais operem sem a necessidade de intervenção humana.

Seguem abaixo as principais novidades high-tech para você conhecê-las melhor.

LiDAR

O sistema LiDAR é uma tecnologia que utiliza laser infravermelho e é capaz de criar uma visão tridimensional, permitindo que o próprio automóvel, sem ajuda humana, localize-se no ambiente e detecte outros veículos, pedestres e ciclistas, podendo inclusive evitar acidentes.

Biometria

Por meio da biometria, será possível medir o estresse dos condutores de veículos e reconhecer se estiverem distraídos ou cansados.

Essa tecnologia também é capaz de medir os batimentos do coração e outros sinais do corpo humano que possibilitem descobrir se o motorista está tendo problemas de saúde emergenciais. Baseado nesses dados, também será possível mudar a luz ambiente do automóvel para melhorar ou combinar com o humor do usuário.

O veículo, ao medir os níveis de estresse, seria capaz de ajustar as cores e níveis de iluminação automaticamente. Tudo para incentivar o relaxamento e oferecer uma maior segurança na condução do automóvel.

DMD

Acrônimo para Dispositivo de Microespelho Digital, trata-se de uma tecnologia de iluminação que funciona por laser e é ideal para projeções de símbolos e luz na estrada.

Essa tecnologia é de alta resolução e pode gerar uma experiência com mais de um milhão de pixels individualmente endereçáveis, o que permite a comunicação com outros condutores e passageiros, podendo até realizar a projeção de filmes quando o veículo estiver parado.

Eviyos

Uma experiência muito chata no trânsito é quando um motorista vem na direção contrária com aquela luz alta que chega a desorientar. O protótipo Eviyos, primeiro LED híbrido do mundo, foi criado exatamente para acabar com esse problema.

Quando um automóvel vindo na direção oposta é detectado, essa tecnologia faz com que os pixels necessários sejam desligados na hora, de maneira que não cause ao outro condutor dificuldades de visualização do trânsito.

Carros elétricos e híbridos

Como a preocupação com o meio ambiente vem aumentando, também cresce o número de carros elétricos e híbridos.

A Toyota já está construindo um mercado para o Prius Hybrid, enquanto que a Nissan tem planos de finalmente colocar à venda seu modelo Leaf (o carro elétrico mais vendido do mundo). A Volkswagen, por sua vez, também quer lançar uma versão elétrica do Golf (o e-Golf) e uma híbrida (o Golf GTE).

A BMW tem planos de lançar em 2018 a nova geração do i8, um modelo híbrido, compacto e com um visual bem esportivo. O carro, que tem portas do tipo tesoura, possui autonomia de 53 km e um motor movido a eletricidade de 145 cavalos instalado nas rodas dianteiras e outro turbo a gasolina de 234 cv no eixo traseiro.

Mais um modelo que será lançado no Brasil pela BMW é a inédita versão i3s, elétrico de autonomia estendida que já era vendido no mercado brasileiro na versão i3. E olha que a BMW estuda trazer outros dois modelos verdes ao país: os híbridos 530e e o Mini Countryman PHEV.

Nova regulamentação brasileira

Algo que deve incentivar ainda mais o lançamento de carros elétricos e híbridos no país é o novo programa automotivo brasileiro Rota 2030, que passa a vigorar em 2018.

O programa vem para substituir o programa Inovar-Auto, causando a redução do IPI de para 7% (hoje está em 25%), alíquota idêntica à aplicada sobre veículos 1.0.

A informação foi divulgada pelo Ministério da Indústria e Comércio, o MDIC. O programa deveria ter sido lançado no mês de janeiro, mas o Governo Federal decidiu adiar o lançamento para depois do Carnaval de 2018.

Quem trabalha no setor está bem apreensivo em relação ao lançamento do programa, já que, até o momento, o Brasil está sem plano automotivo (o antigo, o Inovar-Auto, foi encerrado em 31 de dezembro de 2017).

Outra norma importante para o setor automobilístico em 2018 é a resolução 717 do Contran, o Conselho Nacional do Trânsito. Essa resolução é o primeiro passo para a regulamentação de carros elétricos e tecnologias autônomas no país.

O Contran, que é vinculado ao Ministério das Cidades, pretende finalizar a regulamentação de carros elétricos em seis meses, contados a partir de janeiro desse ano. Quanto à regulamentação das tecnologias autônomas, a mesma deve ser concluída até o fim do ano de 2022.

Com a regulamentação, o Governo Federal busca meios de incentivar a produção de carros elétricos e de tecnologias autônomas no país.

E aí, o que achou dessas novidades high-tech? Você gostaria de ter todas essas tecnologias no seu carro? Ou, por acaso, já pensou em ter um veículo híbrido ou elétrico? Compartilhe com os seus amigos e mostre que você está por dentro das inovações do setor automobilístico para 2018.

2 thoughts on “Novidades high-tech para carros em 2018”

Deixe uma resposta