Frota de veículos corporativos deve crescer no Brasil

Para 32% das empresas brasileiras, a tendência é aumentar sua frota de veículos até o ano que vem. Este é um dos resultados da “Pesquisa sobre gestão de frotas empresariais: estado atual, percepção de valor e tendências”. Foram 26,6% que apontam o aumento de suas frotas em até 20% e 5,7% acreditam em um crescimento superior a 20%.

Além deles, 54,9% disseram que a frota permanecerá a mesma e 12,8% que deve diminuir. Realizada pelo Observatório de Veículos Empresariais (OVE), a pesquisa ouviu 368 gestores de frotas de empresas de todo o Brasil entre os dias 26 de março e 13 de abril de 2018.

A pesquisa apontou ainda uma consolidação na terceirização de frota (aluguel de longa duração) como principal modalidade de aquisição de veículos pelas empresas – 50,6% dos respondentes utilizarão esta forma para incrementar sua frota. Em segundo lugar, a aquisição por compra própria com pagamento a vista, escolhida por 21,4%. Completam a lista a aquisição por leasing financeiro (13,5%), aquisição por compra própria por meio de outra forma de pagamento (8,9%) e aluguel de curta duração – rent a car (5,6%).

O OVE é uma associação sem fins lucrativos que tem por objetivo fomentar a discussão sobre temas relativos a veículos corporativos, como gestão de frota, segurança no trânsito, comportamento de condutores etc. e disseminar informações de seu conhecimento para contribuir positivamente no impacto da atividade dos mesmos à sociedade e ao meio-ambiente.

Deixe uma resposta