Carros a gasolina e a diesel devem ser proibidos em Israel até 2030

0
11
gasolina-carro-israel-elétrico

Israel irá proibir a venda de carros movidos a gasolina ou diesel a partir de 2030. O departamento de energia do país vai incentivar o uso de carros elétricos e movidos a gás, para diminuir os níveis de poluição por lá. Outro motivo para a proibição é o alto preço da gasolina em Israel. O litro do combustível custa US$ 1,87 (cerca de R$ 7,50), mais que o dobro do preço nos Estados Unidos. Apenas Dinamarca, Itália, Grécia, Holanda e Noruega têm gasolinas mais caras. No vizinho Egito, a gasolina custa US$ 0,43 por litro.

O país vai incentivar a abertura de mais de duas mil estações de recarga. Também irá reduzir a quase zero os impostos sobre carros elétricos, para diminuir seu preço lá. Israel chegou a assinar um contrato com a Renault para o fornecimento de unidades do Fluence ZE. A iniciativa funcionaria em conjunto com o projeto Better Place, que construiria várias estações de recarga e para troca de baterias espalhadas pelo país. Todo o projeto foi abandonado, no entanto.

 

Gás natural

A exceção para o uso de combustíveis fósseis é o gás natural. Israel recentemente descobriu grandes reservas do recurso na sua costa do Mar Mediterrâneo. Inclusive, várias termoelétricas do país já foram convertidas para queimar o gás. Isso significa que mesmo que os carros não sejam movidos diretamente pelo GNV, a eletricidade usada para carregá-los muito provavelmente ainda virá da queima do combustível.

Fonte: O Estado de S. Paulo

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

  Subscribe  
Notify of