Centroparts comemora negócios e público

Centroparts comemora negócios – Apresentando-se como um evento completo, reunindo 200 marcas e um público superior a 8 mil visitantes profissionais a Centroparts – feira de fornecedores da indústria automotiva, realizada no Centro de Convenções de Goiânia, de 17 a 19 deste mês inseriu o planalto central no roteiro dos grandes eventos do aftermarket automotivo brasileiro.

Com contribuição direta dos maiores agentes do segmento de reparação e reposição automotiva da região como Sincopeças-GO, Sindiauto, Sindirepa-GO, Sindirepa-MT, Sindirepa-TO, Sinat, Acorem e, Ageap a Centroparts levou para Goiânia uma ampla amostra de tecnologias utilizadas na reparação de veículos de todos os portes bem como peças e equipamentos que abastecem lojistas, distribuidores e atacadistas.

Público qualificado

Mais do que a quantidade do público visitante foi comemorada a qualidade dos profissionais que compareceram à feira. Desde o lançamento da centroparts tínhamos uma preocupação em fazer chegar ao mercado a idéia de que estaríamos implantando uma feira com claras conotações técnicas e comerciais. “A diretriz feiras e eventos e o comitê organizador da feira tiveram um cuidado extra, tanto na produção do material promocional quanto na comunicação geral do evento, em evidenciar as matizes profissioinais da centroparts posto que este seria a primeira feira com esta conotação numa região acostumada mais a encontro festivos”, esclarece Cássio Dresch.

Centroparts comemora negócios, Centroparts 2019, radnaq

De acordo com o organizador o papel das grandes distribuidoras locais, algumas delas participando diretamente da feira na condição de expositores foi fundamental na medida em que auxiliaram no direcionamento dos convites , selos e cartazes produzidos pela centroparts de forma que estes chegassem apenas ao mercado potencialmente demandador das tecnologias ofertadas. A qualidade dos estandes , a padronagem da feira na sua comunicação externa e interna , a origem e poder de compra dos visitantes e o ambiente de negócios , não acessível a menores de 16 anos e pouco permeável a um público não ligado diretamente ao propósito do evento foram determinantes para que pudéssemos classificar a centroparts como impecável “ finaliza Dresch.

Indústrias do sul, sudeste e centro-oeste

Além de indústrias e prestadores de serviços oriundos de todos os estados da região Sul, São Paulo, Rio e Minas Gerais a Centroparts mobilizou quase duas dezenas de agentes comerciais instalados no centro oeste brasileiro.

Mais do que comemorar o fato de termos uma feira multifacetada “destacamos a procedência dos visitantes”. Com estandes posicionado logo na entrada a feira vilson cassemiro, da ideal distribuidora e, também, presidente da ageap – associação goiana dos empresários de autopeças declara ter ficado “gratamente surpreso com a presença de empresários de São Paulo, Tocantis e Minas além dos já esperados lojistas , e empresários da reparação de Goiás e do Distrito Federal “. Para o dirigente classista a centroparts inaugura uma nova etapa no processo de profissionalização do mercado automotivo de Goiás . O mesmo declara Maurício Ribeiro de Paiva , presidente do Sincopeças-Go – sindicato do comércio varejista de veículos e peças de Goiás . “Queríamos para a nossa capital uma feira com o mesmo pefil da autopar, evento que a diretriz organiza em Curitiba e foi o que recebemos “ . O sindicalista comemorou a inserção de goiânia entre as capitais que passam a ter uma feira de referência profissional de grande porte . “ Todo segmento economicamente ativo que possui uma feira de referência tende a crescer e a se profissionalizar . Há muito gestionávamos para termos em nossa área de cobertura uma feira com as características da Centroparts. Receber o apoio do Sindiauto, nossa co-irmã de Brasília bem como de outras entidades setoriais como Sinat – Sindicato do Comércio Atacaidsta do Estado – demonstra a união do mercado em torno de um projeto que já nasceu grande “ finaliza Ribeiro de Paiva.

Centroparts comemora negócios, Centroparts 2019, radnaq