iCertus e Sebrae-SP se unem para reduzir a mortalidade das micro e pequenas indústrias

Parceria consiste em uma oferta de solução de gestão para o segmento

O Sebrae-SP realizou um estudo com mais de 2 mil pequenas indústrias que fecharam as portas neste ano. Foram entrevistados e levantados os principais motivos que levaram esses empresários a terem que encerrar as suas atividades.

A pesquisa constatou que 82% das pequenas indústrias fecharam por problemas relacionados a gestão ou a falta de capital. Com base nessas informações, a iCertus desenvolveu uma plataforma inteligente de gestão que, além de cuidar de toda a gestão da empresa, ainda facilita o acesso ao crédito. A iCertus faz parte de um programa do Sebrae-SP que visa aproximar startups com soluções que melhorem o dia a dia das pequenas empresas, chamado CONECTA.

Em um cenário repleto de incertezas, muitas empresas estão batalhando para manter as vendas, reduzir custos e ganhar produtividade. “Com o Sebrae Conecta, disponibilizamos soluções da própria instituição e de parceiros sob medida para que a sua empresa se digitalize e avance na direção desses resultados”, aponta Fábio Ieger, CEO da iCertus.

A plataforma oferecida aos pequenos industriais é uma solução completa com módulos de gestão comercial, compras, financeiro, estoque e fiscal. A suíte também traz diversos serviços financeiros. “Temos R$ 1 bilhão disponíveis para financiar a pequena indústria”, diz Ieger.

O CEO informa que a plataforma utiliza inteligência artificial para ajudar o pequeno empresário a decidir, sendo que esse recurso atua desde o básico, como cadastro de clientes, passando por compras, auxiliando-o a encontrar o menor custo de um determinado produto até a parte financeira. “Além disso, fornece crédito mais barato e sob medida a pequena indústria”, detalha Ieger.

Esta parceria entre iCertus e Sebrae vem para resolver essas dores e potencializar o crescimento do pequeno empresário.

E os clientes do Sebrae-SP contam com outro benefício. Para as empresas que emitem até 20 NF-e (notas fiscais eletrônicas) mensais, o acesso à plataforma é gratuito. Já as pequenas indústrias que emitirem a partir de 21 NF-es, é oferecido um desconto de 25% no plano pago.

O empresário acredita que o maior desafio da iCertus é qualificar a pequena indústria em termos de gestão. “Hoje se fala muito em indústria 4.0, em automação, mas tem muito empreendedor que não tem o básico de gestão. Se o empreendedor tiver uma ferramenta que consiga reduzir esses 82% de mortalidade apontada pelo Sebrae, imagine quantos empregos serão preservados e gerados, o bem que será gerado na economia como um todo”, questiona.

Segundo Ieger, o Brasil tem 1.315.943 indústrias, destas 96% são de micro e de pequeno porte. “Hoje temos como clientes pouco mais de mil indústrias, portanto há bastante espaço para crescer”, finaliza.

Fábio Ieger é empreendedor e apaixonado por tecnologia. Administrador de empresas, sabe o quanto é desafiador o dia a dia para manter um negócio em atividade em um país com instituições financeiras que em nada ajudam o pequeno e médio empresário. Para levar soluções sustentáveis e realista a esse público, fundou a fintech, que utiliza dados do seu software de gestão para conceder empréstimo e capital de giro para os que mais necessitam de ajudam, e esbarram em análises injustas.

iCertus e Sebrae-SP se unem para reduzir a mortalidade das micro e pequenas indústrias

Sobre a iCertus O Certus Software proporciona ao usuário uma experiência agradável e intuitiva, utilizando ícones de fácil compreensão, com telas simplificadas e com todas as informações em um só lugar. Com relatórios de fácil compreensão, auxilia na tomada de decisões. Agregado a isso, diversos serviços financeiros, como antecipação de recebíveis e empréstimos de capital de giro. A cada dia, a empresa inova e inclui a inteligência artificial para ajudar cada vez mais a pequena indústria. Recebeu investimentos da Bossa Nova, de João Kepler e Pierre Schurmann; e da IVP, de Fabricio Bloisi e Bruno Rondani e João Bezzera, ex-CTO Itaú; Poli Angels, de Rozallah Santoro, Marco Poli, entre outros, além de passar pela aceleração da Baita Aceleradora, na Unicamp. Para mais informações, acesse https://www.icertus.com.br/ ou pelo ig @icertus