Primeira venda de carro da Citroën por robô é feita no Brasil

635

Citroën  – Ainda que opções tecnológicas como a internet, onde é cada vez mais comum a oferta e a procura, estejam mudando o cenário na compra e venda de veículos, ainda há restrições com o uso de ferramentas mais complexas na hora de realizar o negócio. Mas isso, ao que tudo indica, já começou a mudar. A Citroën concretizou sua primeira venda de um automóvel intermediada por meio de um assistente virtual — conhecido como chatbot — no mundo.

O robô chamado Jean “levou” um cliente brasileiro ao site de pré-reserva do C4 Cactus. Segundo a marca, o processo começou no atendimento virtual por Facebook Messenger, levando o usuário à página para concretizar o negócio.

O dispositivo foi desenvolvido pela Citroën do Brasil em parceria com empresa de tecnologia Smarters e a agência BETC/Havas apenas para o lançamento do modelo no país. A tecnologia baseada no uso de inteligência artificial responde dúvidas relacionadas ao design, tecnologia, conforto, segurança, endereço das concessionárias, test-drive e outros assuntos ligados à compra do Cactus.

A montadora diz que o robô é capaz de estabelecer uma conversa em linguagem natural com respostas customizadas por meio de uma tecnologia de compreensão de textos chamada NLP (Natural Language Processing, ou Processamento Natural de Idiomas, em tradução livre)

“Assim como o Cactus é inspirado pela vida e atitude das pessoas, desenvolvemos uma ferramenta para tratar cada cliente como único, ao mesmo tempo em que ela auxilia o consumidor a fazer a compra de qualquer local, dia ou horário, mesmo em uma grande escala de demanda”, afirma Alessandra Souza, Diretora de Desenvolvimento do Negócio da Peugeot/Citroën.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.