Seminário da Reposição aponta caminhos para o setor

Reposição aponta caminhos – a 25ª edição do Seminário da Reposição Automotiva, principal evento do aftermarket brasileiro, organizado pelo Grupo Photon com a participação das entidades que formam o GMA – Grupo de Manutenção Automotiva, como Sindipeças (Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores), Andap (Associação Nacional dos Distribuidores de Autopeças), Sicap (Sindicato do Comércio Atacadista, Importador, Exportador e Distribuidor de Peças, Rolamentos, Acessórios e Componentes da Indústria e para Veículos no Estado de São Paulo), Sincopeças-SP (Sindicato do Comércio Varejista de Peças e Acessórios para Veículos no Estado de São Paulo) e Sindirepa Nacional (associação que representa os Sindirepas estaduais), trouxe à tona as questões cruciais que vão impactar o  mercado nos próximos anos. O evento, que reuniu profissionais de fábricas de autopeças, distribuidores, varejos e oficinas, no dia 15 de outubro, na FecomercioSP, em São Paulo-SP, destacou os efeitos da digitalização, eletrificação, fintechs como nova solução de pagamentos, consumidores que desejam experiências e análise dos mercados norte-americano e brasileiro frente às novas tecnologias.

grafico positivo autopeça setor, Reposição aponta caminhos

Recado dos representantes das entidades marca a abertura – Responsável pela coordenação desta edição do seminário que é alternada entre as entidades a cada ano, Antonio Fiola, presidente do Sindirepa Nacional, enfatizou a importância do mercado reposição no Brasil que cuida 80% da expressiva frota que logo chegará a 60 milhões de veículos e que, em sua opinião, tem grande representatividade, algo incomparável a outros países. “Mesmo com a eletrificação, continuaremos a consertar carros, claro que existem desafios para reparação até por se tratar de baterias de alta tensão. O modelo brasileiro do aftermarket é único, baseado em relacionamento, isso já é um ponto muito positivo”, afirmou.

Heber Carvalho, vice-presidente do Sincopeças-SP, representando o presidente Francisco De La Tôrre, falou do programa Rota 45, referência aos CNAE (Cadastro Nacional de Atividade Econômica) 45, que visa promover capacitação, certificação e qualificação de varejos e oficinas independentes, iniciativa que envolve o Sindirepa-SP, Sincopeças-SP, IQA e Sebrae-SP. A proposta tem como objetivo promover conhecimento aos profissionais das empresas.